terça-feira, janeiro 15, 2008

6.15 - Message in a Bottle

a propósito, já foi tarde, 2007. 2008, trate de acontecer.

[ Message in a bottle ]

Tá acontecendo de novo.

A insônia, entre outras coisas.

Já tem muito tempo que não consigo mais olhar pra uma pessoa e imaginar como será o nosso futuro, assim, sem qualquer outra preocupação. Já tem tempos que não sonho, que não tremo, que não suspiro, como daquelas poucas (contadas) vezes em que eu me permiti.Eu preciso de um amigo. Não melhor ou mais próximo do que os que eu já tenho. Só diferente. Acho que vou ter que me contentar com a minha própria companhia. Por semanas e semanas sozinho no apartamento eu já me acostumei a interpretar os gestos das sombras e completar as frases que eu mesmo começo. E ainda não consigo dormir à noite.

Ela apareceu. Já estava lá, na verdade, mas só agora pude percebê-la melhor. Será que esse interesse repentino é apenas um desejo inconsciente de suprir a necessidade de gostar de alguém? Pra falar a verdade, não sei muito sobre ela. Nem sei se gosta de Ana Carolina ou prefere Billie Holiday. Nem sei se tem todas as qualidades que um dia eu enumerei, tentando colocar em listas e números meus amores em potencial. Provavelmente é só mais uma nuvem passando no céu. Talvez nem chova. Mas eu queria tanto, tanto, que pudesse ser dessa vez... Eu queria tanto gostar de novo.

Eu preciso é me apaixonar, sabe? De um jeito forte, que supere até mesmo aquela vez, em que a vida era um seriado americano.

Na faculdade, as coisas são estranhas. As pessoas não conversam mais sobre coisas profundas. Há tantos problemas na superfície que quase não se permite mergulhar nas profundezas das viagens de madrugada, das conversas sinceras, das coisas que deixam a gente chorando (de tristeza, alegria, ou só de viver mesmo). As pessoas não se apaixonam mais. As pessoas só querem é aproveitar enquanto ainda há garrafas cheias na mesa. E é o que eu devia fazer, né? Mas não dá mesmo. Eu não sou assim.

Na época do colégio, cada dia era uma paixão, um amor maior, intenso, com trilha sonora e sinos tocando. E era fácil, simples, apesar de eu ter pensado na época que tudo era complicado. Agora, a conversa é sobre o trabalho, sobre a prova, sobre a matéria. Nunca sobre o céu, sobre a emoção. Acho que as pessoas pensam que estão velhas demais pra se apaixonarem como crianças.

Tudo o que eu queria era me apaixonar de novo como criança. Daquele jeito inocente, como tantas vezes em que eu nem sabia o que fazer. Tantas vezes atendendo o telefone e decepcionando pessoas. Naquele tempo, as oportunidades eram pipocas. E eu fui perdendo todas, uma a uma, só pra aprender com os erros. A velha história do se arrepender do que não se fez. Em momentos sinceros já pude revelar minha frustração com minha própria mediocridade para as outras pessoas.

Mas o que importa é que as coisas não mudaram. Eu não estou maduro o bastante para me recusar à emoção. Eu ainda tenho uns episódios de "Anos Incríveis" e "Dawson's Creek" pra assistir. E ficar mais velho a cada segundo sinceramente não vai mudar isso.

Dica de Locadora: Message in a bottle (Uma carta de amor) - Baseado no livro de Nicholas Sparks, o filme narra o encontro de um Kevin Costner amargo, desolado pela morte da esposa, e de uma Robin Wright Penn workaholic que, exatamente como eu, só precisa se apaixonar. Ao contrário do livro, o filme nem é lá essas coisas. Mas a carta de amor desesperada jogada ao mar a esmo, levada pelas ondas até o seu destino me inspira.
Citação: "CHARLIE BROWN: Por um instante a vitória esteve em nossas mãos. LINUS: Aí então o jogo começou", personagens de Peanuts no episódio Você é um tapado, Charlie Brown.
Trilha sonora: Confesso, por Ana Carolina

12 comentários:

Edwirges disse...

Ótima a citação do Charlie Brown!!!
Viver é deixar viver e o pior padawan, é que a existência tem um fluxo disperso!

Edwirges disse...

Eu de novo.
O Hotmail não abre, aliás, abre uma página em branco e aparece escrito concluído.
Sabe, pela vida as pessoas ficam meio anestesiadas e seguem dando importância excessiva (que droga escrever esta palavra e hesitar um pouco!!) às coisas práticas. Fazia tempo que eu não tinha tempo. É que a temporada de provas acabou e deu tempo de ler os blogs. Fuxiquei nos blogs de seus amigos e vi que talvez o que deixam de falar na vida real eles falam em postagens. Nossa, Otávio, tem gente escrevendo demais, eu fiquei até boba. "Em momentos sinceros já pude revelar minha frustração com minha própria mediocridade para as outras pessoas." You sad.
E eu estou aqui, aproveitando coisas boas em minha vida, querendo me tornar uma advogada de respeito!!! (Porque peito eu não tenho!), mas às vezes eu desconfio que era mais iluminada antes. Sinto falta de algo em mim que me santificava, que me tornava menos comum. Acho que me dissolvo e talvez seja por crescer. A gente um dia faz 20 anos, Otávio. E quase sempre é preciso deixar a Terra do Nunca para trás. Mas a sinceridade e o amor não fazem parte só de lá. Elas podem fazer parte de nossas vidas para sempre.
O resto é consequência.

Ah, e por mais que você não perceba, as coisas mudam. Mesmo as pedras!

Du disse...

Crescer é um saco... Mas ainda há de descobrir as flores dessa nem tão nova era. Não tem o mesmo frescor, mas existe a pureza. Porque o que é verdadeiro é puro.
Mas que era bom... ah isso era...

Mr. Ziggy disse...

Prazer em conhecê-lo assim tão nu. E sim, compartilho das mesmas coisas das quais falaste tão bem e leve neste texto. Voltarei mais! Abrazzo de alguém demasiadamente surpreso!
Renato

Ruleandson do Carmo disse...

Muito bom seu blog, Otávio! Espero que você se apaixone em breve, amigo! Um dia eu tava na aula do Capuzzo e fui embora, ele falou assim: "onde você estava no dia mais feliz da sua vida? onde está a pessa que você mais ama? onde você a perdeu? onde você se perdeu? quem ama vive, quem não ama apenas sobrevive". Eu levantei e fui embora aos prantos para a casa! hehehe Histórias bregas de um romântico solitário! ABraço

Anônimo disse...

TaliCemesuela http://comprare-viagra.wikidot.com http://comprare-kamagra.wikidot.com http://comprare-cialis.wikidot.com TaliCemesuela

Anônimo disse...

RaistUrifsraw [url=http://sicilia.tostring.it/members/Comprare-Viagra-online-senza-ricetta/default.aspx]viagra[/url] Viagra [url=http://thinkmobile.it/members/Kamagra-quanto-costa-in-farmacia-Compra-Kamagra-in-Italia/default.aspx]Kamagra acquisto on-line safeKamagra ohne Rezept[/url] Kamagra [url=http://usr-ict.cs.unicam.it/members/Kamagra-senza-ricetta-comprare-Kamagra-prescrizione-medica.aspx]dove acquistare senza prescrizione Kamagra[/url] Kamagra [url=http://sicilia.tostring.it/members/Comprare-Levitra-online-senza-ricetta/default.aspx]cialis levitra[/url] Levitra Illituddy

Anônimo disse...

RaistUrifsraw [url=http://sicilia.tostring.it/members/Comprare-Viagra-online-senza-ricetta/default.aspx]generic viagra[/url] Viagra [url=http://thinkmobile.it/members/Kamagra-quanto-costa-in-farmacia-Compra-Kamagra-in-Italia/default.aspx]desidera acquistare Kamagra in Malesia[/url] Kamagra [url=http://usr-ict.cs.unicam.it/members/Kamagra-senza-ricetta-comprare-Kamagra-prescrizione-medica.aspx]Kamagra acquisto on-line safeKamagra ohne Rezept[/url] Kamagra [url=http://thinkmobile.it/members/Viagra-quanto-costa-in-farmacia-Compra-Viagra-in-Italia/default.aspx]buy viagra[/url] Viagra mournrofemige

Anônimo disse...

RaistUrifsraw [url=http://sicilia.tostring.it/members/Comprare-Levitra-online-senza-ricetta/default.aspx]cialis compare levitra viagra[/url] Levitra [url=http://usr-ict.cs.unicam.it/members/Cialis-senza-ricetta-comprare-Cialis-prescrizione-medica.aspx]generic cialis[/url] Cialis MiffNeift

Anônimo disse...

RaistUrifsraw [url=https://launchpad.net/~buy-codeine-online-without-prescription]codeine[/url] Codeine [url=https://launchpad.net/~buy-differin-without-prescription]buy differin gel[/url] Differin [url=https://launchpad.net/~buy-viagra-online-without-prescription]buy viagra online[/url] Viagra [url=https://launchpad.net/~buy-ativan-without-prescription]zoloft online alcohol and zoloft2c ativan[/url] Ativan

Anônimo disse...

http://gongfu.com.ua - Visit us or die!

Anônimo disse...

Pills Weight Gain
http://www.babyplaceofcleveland.com/ - buy escitalopram online
An agreeable intake of the medication would render them calm and make them behave like any other normal person.
[url=http://www.babyplaceofcleveland.com/]order lexapro online[/url]
Serotonin enhances the experience of calmness in the mind of the patient.
lexapro escitalopram